Carne e espírito


Quando Deus levou Seu povo ao deserto, deu a Moisés as Leis, Os Dez Mandamentos, para discipliná-los e levá-los ao Caminho certo de acordo com a Sua Vontade.

O Apóstolo Paulo, escrevendo aos Gálatas, lista as tendências da carne, que os Mandamentos vieram combater:

“Ora, as obras da carne são conhecidas e são: prostituição, impureza, lascívia, idolatria, feitiçarias, inimizades, porfias, ciúmes, iras, discórdias, dissensões, facções, invejas, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, a respeito das quais eu vos declaro, como já, outrora, vos preveni, que não herdarão o reino de Deus os que tais coisas praticam.” Gálatas 5:19-21

Ao vir a este mundo, nascemos da carne, herdando a tendência a praticar as obras da carne. Precisamos nascer de novo, recebendo a natureza de Deus ao Lhe entregar nossa vida e seguir Sua Palavra. Todos nós, se não buscarmos os Frutos do Espírito, se não nascermos de novo, estaremos sujeitos às coisas que nos afastam dEle.

Dessa lista, por não usarem a fé inteligente, as crianças pecam principalmente nestes itens:

Na idolatria. Não só com imagens dentro de casa, mas também venerando os pais, artistas e cantores, fazendo deles seus ídolos. Precisamos respeitar e amar nossos pais e podemos gostar de outras pessoas, mas devemos colocar Deus em Primeiro Lugar em nossas vidas; ninguém mais a ser honrado e adorado.

No ciúme e na inveja. A criança que dá vazão a esses sentimentos também está desagradando a Deus, vivendo na carne com seus egoísmos, causando intrigas e desarmonias nas famílias. Busque o Espírito da Paz, para o seu bem.

Na ira. Muitas se iram com os pais ou amigos e vão se afundando, cometendo erros graves, gerando inimizades, confusões e violência. Amiguinho, não se enrede em caminhos maus.Tenha cuidado! Fuja do ódio e da mágoa, peça ao Espírito da mansidão para morar dentro de você para ser livre desses males. Adquira esse fruto do Espírito.

Na glutonaria. Quando se deixa levar pelos olhos e fica comendo compulsivamente mais do que a barriga pode suportar. Nisso também infringe a Lei de Deus. Tenha domínio próprio! Deus nos deu capacidade de dizer “não” às nossas vontades. Use essa capacidade.

Se você não aplicar a disciplina dos Mandamentos, estará sujeito a conflitos com todos, ficando ainda muito longe do bem e da salvação. Os filhos de Deus vivem pela fé, não pelos sentimentos
carnais. E isso só é possível na busca e na prática dos frutos do Espírito.

Ester Bezerra

Achou interessante? Partilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Comentários recentes